VISITANTE, o LTH deseja-lhe as boas-vindas!
Guest ADMIN CP & MOD CP

  • Introdução
    No universo de Harry Potter, o sangue e a ascendência são tópicos de grande importância social. O sistema a seguir foi criado para diminuir a incoerência de uma personagem para outra, de maneira que ajude a entender a influência da família e do sangue. É importante entender, no entanto, que o status de cada personagem vem da família em si e não da personagem.

    Para se criar uma personagem, é necessário que inscrever também a família da mesma. Aqui no fórum consideramos o status sanguíneo como um status social familiar e não como o tipo sanguíneo de um indivíduo — ou seja, uma personagem cujos pais são puros em uma família em que recentemente houve mestiçagem é considerada mestiça para a sociedade de qualquer maneira.

    Quem requisita a vaga de família primeiramente também se torna responsável por ela. Isso significa que quem está como player responsável será a pessoa a definir os headcanons da família e quem poderá pertencer a ela. Portanto, para se entrar em uma família pura, mestiça ou trouxa que não foi criada por você é necessário pedir permissão para quem é responsável pela família.

  • Sangue
    Ainda que na atualidade haja uma diferença menor na maneira como pessoas de sangue puro são tratadas em relação a quem não o tem, é impossível eliminar séculos de tradição em apenas algumas décadas — por essa razão, a sociedade bruxa ainda tende a favorecer certas famílias.

    No mais, salientamos que o status sanguíneo de uma família não define a forma universal que a sociedade tratará seus membros. Uma personagem “pura” pode ter melhor tratamento dentro da sociedade bruxa, porém isso não quer dizer que ela será necessariamente mais importante do que alguém de família mestiça. No LTH, foi-se decidido que quanto mais baixa a posição social de uma família, menor será sua influência no mundo bruxo, independente se ser uma família pura, mestiça ou trouxa.

    PURO
    Cada player poderá ter no máximo três personagens de famílias puras, independente do sobrenome, e poderá ser responsável por uma única família pura, sem exceções. Para sua família pura ser registrada, é necessário haver não apenas vagas disponíveis, como sua personagem deve deve ser vista como pura pela sociedade. Casos considerados dignos de uma avaliação mais criteriosa podem ser enviados por PM para a [CHAMBER OF SECRETS]. Você pode mais sobre como o purismo funciona clicando [AQUI]. Famílias puras do canon de Harry Potter não serão consideradas para avaliação.
    MESTIÇO
    É a maioria esmagadora na população bruxa, cobrindo todo e qualquer fruto de um envolvimento entre duas pessoas que não têm do sangue puro. E quando se fala desse tipo de envolvimento, ainda há a possibilidade do mesmo ser entre um ser humano e outra espécie mágica!

    Famílias mestiças bruxas sem traço genético de outras raças possuem vagas ilimitadas no fórum. Pedimos apenas para que haja mais casos de famílias mestiças criadas através da união entre mestiços ou nascidos trouxas e mestiços ou mestiços e trouxas do que qualquer uma dessas variantes com sangues-puros. A razão é simples: sangues-puros são minoria no mundo bruxo e estão em extinção. Não faz sentido que haja tantos pais ou mães sangues-puros de famílias não-fichadas no fórum.

    Tratando-se de personagens nascidas da relação entre bruxos e outra espécie mágica, haverá limite de vagas. Serão, ao todo, seis vagas para personagens com ascendência veela (três para ½, três para ¼) e seis vagas para personagens de ascendência gigante (três para ½, três para ¼). Para se criar personagens desse tipo, no entanto, é preciso saber:

    ½ GIGANTE → Para a criação de uma personagem ½ gigante, ficou decidido que essa relação só poderá vir da união de um bruxo do gênero masculino e uma gigante do gênero feminino, por questões sexuais e gestativas. Personagens ½ gigantes ganham bonificação de +5 pontos em resistência e +5 pontos em força, penalização de -2 em agilidade, e nível de influência E das classes familiares.

    ¼ GIGANTE → Qualquer personagem ¼ gigante poderá ter um pai ou mãe ½ gigante, ou ambos. O importante é que a avó do ¼ gigante seja uma gigante. As bonificações são +3 pontos em força e +3 pontos em resistência, enquanto recebem penalização em -1 de agilidade. Assim como os ½ gigantes, o nível de influência da família da personagem será E.

      Os photoplayers escolhidos para um ½ gigante ou ¼ gigante serão avaliados e podem ser vetados. Prefira PPs mais fortes ou musculosos, como atletas, para usar como o rosto de sua personagem.

    ½ VEELA → As personagens ½ veelas devem ser crianças nascidas de uma união entre uma veela e um bruxo do gênero masculino, já que as veelas são uma espécie estritamente feminina. Suas características mais marcantes são herdadas de suas mães, como a cor de seus cabelos (loiros, para facilitar a procura de photoplayers) e olhos (claros), sua presença que atrai olhares, sua maior resistência ao fogo e sua facilidade em conjurar feitiços deste elemento. Todas as personagens ½ veelas recebem bonificação de +3 pontos em persuasão.

    ¼ VEELA → Como no caso dos ¼ gigantes, as personagens ¼ veelas precisam ser netas de uma veela. Possuem as mesmas características físicas e mágicas que as ½ veelas, porém em menor potência. Recebem +2 pontos em persuasão.

      A aparência daqueles com ascendência veela os denuncia, o que se torna uma desvantagem. As veelas são consideradas uma espécie sub-humana ao ponto de ser usada como mascote de um time de quadribol. Isso não pode ser esquecido na ficha, e será cobrado na avaliação.

    Trouxa
    São o segundo núcleo mais populoso do mundo mágico. Toda personagem nascida-trouxa vem, irrefutavelmente, de uma família trouxa. No passado, esse grupo sofria muito preconceito devido ao purismo — depois da Segunda Guerra Bruxa, entretanto, esse tipo de tratamento começou a ser cada vez mais escasso.
  • Influência
    O mundo mágico possui muita tradição, o que faz com que algumas famílias sejam mais poderosas que outras. Para auxiliar na criação de sua família, bem como fazer sentido na trama do fórum e em tramas familiares, dividimos a influência familiar em cinco níveis. É importante notar que, quanto maior o nível da família, maior poder de decisão e influência na sociedade elas terão — esses níveis de influência, entretanto, só são válidos dentro do Reino Unido.

    NÍVEL A → As famílias mais poderosas do mundo bruxo atual e cuja história de seus membros influenciou a sociedade bruxa britânica. Membros dessas famílias possuem reconhecimento, alcançando altos cargos na sociedade. Famílias trouxas, estrangeiras, com ascendência gigante, envolvimento constante com veelas ou histórico de licantropia exposto ao público não podem fazer parte desse grupo.

    NÍVEL B → Famílias desse grupo ou estão em decadência (por exemplo, envolveram-se no passado com Voldemort e, portanto, perderam parte de seu prestígio) ou são emergentes no Reino Unido (ganharam prestígio nos últimos anos). Famílias trouxas, estrangeiras, com ascendência gigante, envolvimento constante com veelas ou histórico de licantropia exposto ao público não podem fazer parte desse grupo.

    NÍVEL C → A classe mais populosa da sociedade bruxa. Famílias de classes média e média alta pertencem aqui. A característica deste nível é ter bom poder aquisitivo, mas não ter influência. É classe da qual não se fala sobre e de que provavelmente não será lembrada. Aqui também pertencem as famílias estrangeiras de grande influência em seus países de origem, mas que no Reino Unido só possuem mesmo a conta bancária. Famílias com ascendência gigante, envolvimento constante com veelas ou histórico de licantropia exposto ao público não podem fazer parte desse grupo.

    NÍVEL D → Ou a classe dos pobres. Não possuem influência nenhuma e nem uma conta bancária decente. Os membros dessa classe precisam trabalhar muito para sobreviver e precisam economizar para poder ter certos mimos, como típicas famílias de classes baixa ou média baixa. São comuns e ordinários, de origens humildes. No entanto, é a classe mais disposta a lutar contras as injustiças sociais no mundo mágico. Famílias com ascendência gigante, envolvimento constante com veelas ou histórico de licantropia exposto ao público não podem fazer parte desse grupo.

    NÍVEL E → Também conhecidos como párias. Não precisam ser pobres, mas devem ser considerados inferiores pela sociedade bruxa por algum motivo. Essas são as famílias que não são bem aceitas, que são evitadas e que possuem muita dificuldade em conseguir até mesmo um emprego, que dirá bons cargos. Famílias com ascendência gigante, envolvimento constante com veelas ou histórico de licantropia exposto ao público devem fazer parte desse grupo.

    Todas as famílias precisam ser registradas. Para fazer isso é só especificar o status sanguíneo da família (pura, mestiça, trouxa) e colocá-la em um dos níveis de influência (A, B, C, D ou E), considerando as especificações de cada um dos níveis. A partir daí é possível saber a posição de cada personagem/família na sociedade e podemos inseri-las na trama de acordo com sua posição social.

since 19/04/2017.
Affiliates [ View All | Link-us | Apply ]
Aglomerado Wrath of the Righteous Win or Die Meio Sangue Olimpiano fatal hamartia LIKE A STONE Tenebris Libertas Epifania Gold of Olympus roses & épines Instituto Durmstrang New Yorkers WINGS OF DESPAIR The Ministry RPG At All Costs 
 

Advertising

Sabemos que ads não são a coisa mais aesthetic do mundo, mas querendo ou não, eles podem ajudar com os nossos gastos (Premium do Jcink, domain...). Considere com carinho desativar o bloqueador de ads! <3
© baby cakes