location_on
highlight
train
chat
staff
calendário
taça das casas
destaques
adm CP
mod CP

mar., 2024

Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
25 26 27 28 29 01 02
03 04 05 06 07 08 09
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 01 02 03 04 05 06

01 nov → 22 nov, 2023


2016 highlights

G

t. de quadribol

2019 → 2020
-------
-------
hourglass_empty

t. das casas

2021 → 2022
-------
-------
H

t. de quadribol

2022 → 2023
-------
-------
hourglass_empty

t. das casas

2020 → 2021
-------
-------

R

t. de quadribol

-------
-------
-------
hourglass_empty

t. das casas

-------
-------
-------
S

t. de quadribol

2021 → 2022
2020 → 2021
-------
hourglass_empty

t. das casas

2022 → 2023
2019 → 2020
-------
close
Destinatário
CC (até 100 nomes. um por linha.)
Título
Sua mensagem
Last
Train
Home.
RPG PÓS-POTTER. 2024. HOGWARTS, MINISTÉRIO DA MAGIA, CIVIS & FANTASMAS.
keyboard_arrow_down



 lembretes

  • Usar sobrenomes canon é um dos motivos para barragem da sua ficha. Utilize o nosso autenticador para ter certeza de que está indo pelo caminho certo!
  • Em título, coloque: Sobrenome, Nome. Sem nomes do meio, sem abreviações.
  • Em subtítulo, coloque o núcleo da qual sua personagem faz parte (Civilians, Ministry of Magic). Caso seja de Hogwarts, informe a casa da personagem e o seu ano também.
  • Não use photoplayers que participaram dos filmes de Harry Potter. Isso também garante uma barragem de ficha!
  • Infelizmente, as fichas não têm como dar preview por conta do jQuery que tem dentro delas. Caso queira dar preview, você vai precisar tirar a parte de boletim/N.O.Ms/N.I.E.Ms e depois colocar de volta. Para mais informações, veja este aviso de ADM.
  • Qualquer dúvida, poste neste tópico. Não se acanhe!

 
reply_all
content_paste
poll

 Morrigan, Candace, Gryffindor, 7th
71 posts
flare
375 LTH points
1Grifinória, 7º ano., 17 anos., Família trouxa
2chaser-reserva | pseudo-cantora de bar | ESFP | satanáries | precisando de alguém pra chutar o pau da barraca, tamo aí

link Jun 7 2015, 02:15 AM W.S. // no keyboard_arrow_right Nanne keyboard_arrow_right enviar coruja

CANDACE MORRIGAN

Perfil

NOME COMPLETO Candace Yuna Morrigan.
DATA DE NASCIMENTO 13/04/2006.
LOCAL DE NASCIMENTO Londres, Inglaterra.
RAÇA & SANGUE Mestiça.
VARINHA Macieira, 31,75cm, flexível. Núcleo formado por pena de fênix.
NÚCLEO & CARGO Hogwarts. Gryffindor, 7th. Chaser reserva.
HABILIDADE
PHOTOPLAYER Michelle Lee (이미쉘)
PLAYER Nanne.

Histórico

Resultados definitivos dos N.O.M.s

Atributos

FORÇA 06 AGILIDADE 08
RESISTÊNCIA 08 INTELIGÊNCIA 05
PERSUASÃO 03 FORÇA DE VONTADE 04

Informações extras

Aviso de conteúdo: Menções a suicídio e depressão.

Personalidade

Candace – ou Candy, para os (poucos) muito íntimos (de verdade verdadeira) – é, nas palavras de algum dos primos com os quais não se importa, “pior que uma pedra no sapato”. O que obviamente é um absurdo; ela faz questão de ser no mínimo uma rocha no sapato das pessoas. E não, sua personalidade explosiva e ácida não é “um escudo para se proteger da dor e decepção” – ela gosta de se considerar bastante resistente a dor, muito obrigada; e não é como se tivesse muitas expectativas para se decepcionar. Simplesmente foi agraciada ao nascer com um gosto terrível por fazer as pessoas terem aversão a ela. Não que ela seja de todo ruim – ela também pode ser assustadoramente carinhosa com as raras pessoas de quem gosta para valer; não tem prazer em ser odiada, mas com certeza não vai se esforçar para evitar isso.

E ela também não guarda rancor de todas as pessoas que provavelmente a querem numa cruz – não entende o que a impede de fazer uma pessoa chorar num dia e ajuda-la no outro; simplesmente não faz sentido. Se alguém a ofender, depois de uma boa briga ela vai seguir em frente e perdoar, sem ressentimentos. No geral, não é de recusar ajuda, tampouco; a não ser que ela tenha algo mais interessante para fazer ou que seu pedido seja algo muito entediante – como, por exemplo, procurar um livro na biblioteca (ew) –, pode ter certeza que ela estará disponível a quem quer que lhe peça algo. Não é lá muito ambiciosa – gosta de viver no momento e aproveitar enquanto é jovem; só se vive uma vez, afinal de contas.

(Inclusive, não se surpreendam se algum dia ela aparecer por aí com YOLO tatuado em alguma parte muito pouco ortodoxa de seu corpo como, sei lá, a nádega direita. E por favor, não duvidem que ela faça isso – Deus sabe que aí sim isso aconteceria.)

História

Bom, aí vai: Candace tinha absolutamente tudo para ser a heroína trágica com um passado triste e sombrio desses livrinhos que sempre viram filme mesmo tendo história bem fraquinha.

Vamos colocar todo o background num só blocão de parágrafo, pra arrancar tudo igual um curativo bem grande: sua mãe, Yujin, nasceu na Coreia de uma família de bruxos relativamente comuns com uma irmã gêmea chamada Yuna. Yujin nunca apresentou sinal de magia alguma; e quanto mais seus familiares tentavam forçar a magia dela, menos propensa à magia ela parecia ficar. A única pessoa que jamais exigiu nada dela além de um sorriso no rosto era sua irmã – e também sua melhor amiga. Entretanto, ao contrário dela, Yuna sabia fazer magia, e pôde ir à escola de magia da Coreia, deixando Yujin sozinha com dois pais que pareciam preferir que ela não existisse. Cansada daquilo tudo, aos 15 anos ela decidiu fugir de casa e começar sua vida do zero, em um lugar onde não ser mágica não a tornasse diferente – o mundo trouxa. A fim de ficar o mais longe possível de sua família, foi até Londres, e começou a trabalhar como faxineira numa lanchonete. Durante um ano, esforçou-se para aprender a língua local e juntar dinheiro – e também a admirar o charmoso dentista que todo dia almoçava lá, e gentilmente sempre lhe ensinava algumas palavras (especialmente nomes de comidas – e também doenças, de acordo com ele, para ela conseguir se comunicar com médicos em eventualidades). Não demorou muito, e ela teve a sensação de que enfim achara seu lugar; Andrew Morrigan, o dentista charmoso, pediu-a em casamento quando ela tinha dezessete anos, e com dezoito ela deu à luz sua primeira e única filha – Candace Yuna, homenageando a mãe de Andrew e a única pessoa de sua família com quem Yujin ainda se importava e mantinha contato sempre.

Candy, como Yujin fazia questão de chamar, crescia especialmente na sombra da mãe, visto que seu pai estava sempre trabalhando. Não gostava muito da família do pai – alguns de seus primos já haviam tirado sarro do sotaque de sua mãe (e acabaram com lesmas nos travesseiros – Candy nega envolvimento no caso até hoje); e Yujin sempre lhe dizia como seus pais a tratavam, e como a única pessoa boa para ela era sua irmã. Na verdade, Yujin falava em sua irmã quase todo dia – Candy chegara a sentir ciúmes algumas vezes – e sempre que recebia uma carta dela, seu rosto se irradiava de alegria, nunca deixando de comentar que mal esperava o dia em que Yuna poderia deixar seu trabalho de “policial” e visita-las.

Houve, porém, uma carta que falhou em trazer sorrisos à Yujin – numa manhã de inverno de 2015, um comunicado chegou a ela de seus pais, dizendo que sua irmã havia falecido em ação. Candy observou, aflita, o mundo de sua mãe desmoronar, e toda a alegria deixar seus olhos – não momentaneamente, mas por meses a fio. Nada parecia alegrá-la ou devolver-lhe a vontade de viver; e, para piorar tudo, seu pai começou a desistir dela. Um ano depois, ele deu a notícia de que havia se apaixonado por outra mulher e, em respeito a Yujin, iria divorciar-se para não acabar traindo-a com uma amante. Yujin implorou que ele não a deixasse, que não desmoronasse seu mundo mais ainda, mas ele não deixou margem para discussão – não aguentava mais viver lá. Candy fez questão de ficar com a mãe, e fez questão também de deixar claro que se ele abandonasse sua mãe naquele estado, não seria mais seu pai – mas suas ameaças foram tão inúteis quanto as lágrimas de sua mãe, e Andrew saiu para morar com sua nova mulher.

Com nove anos e cuidando de uma mãe depressiva sozinha, Candy tentou de tudo; suas notas na escola caíram drasticamente, e ela ficou praticamente sem amigos. Mas para ela, tudo o que importava era que sua mãe ficasse bem. E um dia, enfim, conseguiu resultados – sua mãe simplesmente acordou sorrindo, brincou com ela e até a levou para a escola, prometendo-lhe comprar um bolo para comerem juntas quando chegassem. Candace não poderia estar mais satisfeita – entretanto, ao chegar em casa, deparou-se com um bolo na mesa e o corpo de sua mãe no chão. Ao fim do dia, recebeu a notícia de que sua mãe estava realmente morta, e que ela fora deixada para ser criada por um pai que lhe virara as costas e uma mulher que sequer conhecia.

(Naquela confusão, ninguém notou os pedaços de bolo espalhados por todas as paredes da cozinha, sem explicação alguma.)

E, bom, talvez todos esperassem que ela tivesse virado algo como a protagonista de My Immortal (eu sei que vocês sabem do que eu estou falando); mas, bom, Candace sempre foi do tipo que a cada tombo das árvores que subia, mais resistente ficava. No velório de sua mãe, entendeu que tristeza matava – e decidiu não ter o mesmo destino.

É claro, ninguém é de ferro; foi morar com o pai – mas deixava claro que nada mudara; no máximo, a situação só se agravara, pois Andrew deixara sua mãe morrer, e ninguém a convenceria do contrário. Susan – sua madrasta – tentava de todo jeito aproximar-se dela; mas Candy estava disposta a fazer da vida de sua nova família um inferno, e dar-lhes tanta dor de cabeça quando fosse possível. Afinal, uma coisa era não deixar a tristeza consumi-la; outra muito diferente era fingir que não sentira nada com o que aconteceu. E, se Susan tentava fazê-la sentir-se aceita, Andrew parecia a ponto de desistir dela da forma como desistira de Yujin – e foi o primeiro a sentir-se aliviado (ainda que confuso) ao receber a carta de Hogwarts, dizendo que ela deveria passar um ano letivo fora aprendendo magia. A única pessoa mais aliviada do que ele era Candy – que mal podia esperar pela chance de ver-se livre da família; infelizmente, Susan fazia questão de que ela voltasse para casa em todos os feriados possíveis (a mulher não desistia). Mas – por hora – já estava bom o bastante.

Então, em 1 de setembro de 2018, Candy ansiosamente subiu num trem. Passou a viagem toda andando de vagão a vagão, conhecendo quem fosse possível – arrumando uma ou duas brigas pelo caminho – incansável em sua alegria de estar indo para longe de sua casa e em direção a uma vida totalmente nova. Esperava apenas ficar longe daqueles que deixaram sua mãe morrer, e mais longe ainda das lembranças desta. Se sua viagem no trem fosse indício de qualquer coisa, provavelmente daria certo – e, de fato, quando colocou os pés em Hogwarts, foi o que sentiu; ver toda aquela magia, ouvir o chapéu seletor berrar Grifinória sem quase tocar sua cabeça, ser recebida aos aplausos na mesa e conhecer seus dormitórios lhe fez esquecer tudo o que ela queria esquecer.

(No segundo ano, fez seu pai comprar-lhe um sapo e chamou-o de Harry Potter II. Infelizmente, sua madrasta não teve tanto medo do sapo quanto Candace planejara.)

Seus planos para o futuro, porém, estavam longe dali – Candace não poderia se importar menos com seu aprendizado. Importava-se em aprender aquilo que lhe interessasse momentaneamente – mas seu plano nunca fora seguir carreira no mundo bruxo, e sempre deixou isso claro a cada professor que lhe deu aula ao longo dos anos. Tudo o que tinha para o futuro eram uns sonhos maternais sobre virar uma cantora famosa mas, bom, ela tinha a vida toda pela frente – e pretendia aproveitar cada dia ao máximo, e chegar ao fim muito diferente de sua mãe.

É carpe diem que fala, né?



This post has been edited by Candace Morrigan: Feb 10 2018, 07:46 PM


CANDACE MORRIGAN,
Tudo que importa é o agora e nada mais

Tudo que nós temos é apenas o que a gente faz.
for 6agi 8res 8int 5per 3fdv 4




206 posts
flare
920 LTH points
1—, 24 years old, Família mestiça
2leo/scorpio • bachelor of arts • history nerd • obsessed for aesthetic • writer • give me vodka i give you love

link Jun 14 2015, 08:11 AM W.S. // no keyboard_arrow_right Luna keyboard_arrow_right enviar coruja
bem vinda, Candace
Sabe, minha querida, você me parece um desafio. Há muitas almas que, diante da tragédia, reagem se isolando ao extremo, blindando a si mesmas até se tornarem bibelôs de cristal e, no final, não passam de bonecos quebrados. Mas há essas almas, como você, que se erguem como fortalezas em meio à tristeza e orgulham-se de tal coisa — porque sobreviver não é uma coisa fácil, minha querida, e você deve ter passado por um longo e doloroso caminho até chegar onde você está.

Você parece ter uma lógica simples para guiar sua vida, de modo que não vou tentar pôr caraminholas em sua cabeça. Espero que consiga se manter assim nos dias futuros, quando a sorte se dobrar às circunstâncias do azar — porque quando isso acontecer, pode ser que você se sinta nas profundezas do abismo, onde tudo é motivo de temor. E terá que sobreviver outra vez, com toda sua força e determinação. Mas você vai conseguir, não vai? Claro que vai — afinal, só se pode se erguer depois que se cai.

TOTAL DE XPS

58 XPS
XPS DESCONTADOS

-080 XPS
NÚMERO DE POSTS60XPs
PARTICIPAÇÃO NUM EVENTO48XPs
ACHIEVEMENT BONIFICADO01XPs
CONJUNTOS E TEMPLATES00XPs
AJUDA À ADMINISTRAÇÃO00XPs
OUTROS29XPs


I'm here, I'm queer Personagem que faz parte da comunidade LGBTQA+

Selo Bichento Personagem com um animal de estimação em Hogwarts

Selo Wood Personagem que está no time de quidditch

Rebelde sem causa Personagem muito chegado a confusões

Fica, vai ter bolo Personagem com um ano de fórum




Iniciado 10 posts

Pegando o espírito da coisa 25 posts

Player esforçado 50 posts




Contest 04: Avatar natalino mais trash (2015) 1XP

Evento 08: THE IRON LADY 8xp
Evento 09: The Wave 16XP
Evento 10: Catch Me If You Can 12xp
Evento 12: Stage of Play 8XP
EVENTO 13: Dazed and Confused 4XP

RP aberta/semiaberta: FULL METAL JACKET 2XP
RP aberta/semiaberta: BURNING DOWN THE HOUSE 2XP
RP aberta/semiaberta: THE OMEN 2XP
RP aberta/semiaberta: NO MERCY 2XP
RP aberta/semiaberta: Mixed Martial Arts 2XP




Aumento de atributo: Agilidade -80xp

Aumento de notas no histórico: Easy O (challenge) 85pts + 19XP



luna

71 posts
flare
375 LTH points
1Grifinória, 7º ano., 17 anos., Família trouxa
2chaser-reserva | pseudo-cantora de bar | ESFP | satanáries | precisando de alguém pra chutar o pau da barraca, tamo aí

link Feb 10 2018, 08:03 PM W.S. // no keyboard_arrow_right Nanne keyboard_arrow_right enviar coruja
Tudo feito!! As mudanças na ficha foram apenas quanto ao modo narrativo mas, caso queiram checar, eu tenho salvo aqui o texto original. Obrigada ♥
1 User(s) are reading this topic (1 Guests and 0 Anonymous Users)
0 Members:

perm_data_setting
reply_all
content_paste
poll


 


 

Affiliates [ View All | Link-us | Apply ]
Tenebris Libertas Epifania roses & épines WINGS OF DESPAIR The Ministry RPG Mutosphera RPG Dystopia Moonless World O Jogo dos Tronos hawkins, 1985. Fênix Graphic Rage & Ruins 
 

© Last Train Home. Skin feita por Hana.
Ilustrações por Atomhawk Design. Pixels awards por Larwick.
Melhor visualização no Google Chrome. Para mais créditos, clique aqui.
since 19/04/2017.
forum keyboard_arrow_up
send
1 evento: hogwarts
2 candidatura à moderação
3 votação: 2017 highlights
4 prompt: criaturas mágicas